Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lua Vermelha

Sugestão de 2ª e 3ª temporada por Cláudia Silva. Tipo Fanfiction.

Lua Vermelha – 2ª temporada – 197ºepisódio – “Desculpa.../Vem comigo!”

Continuação…

 

Af – Porquê que estás a agir dessa maneira?

 

Lu – Isso pergunto eu! Não achas que estás a ser injusto?

 

Af – Eu só estou a tentar proteger-te! E sabes perfeitamente que tenho razão.

 

Lu – Tu não estás a proteger-me, tu estás a controlar-me! Isso é injusto e eu não mereço isso!

 

Af – (indignado) Injusto?! Estou a afastar-te de alguém em quem não confio, é isso que estou a fazer! Tu, por acaso, ouviste tão bem como eu o que aquele… (procura um nome), aquele…, aquele rapaz te disse? (esclarece) Ele está a tentar desencaminhar-te, Luna!

 

Lu – Sim! (confirma) Continuas a ser injusto! (explica) Primeiro: ele não é como tu pensas que é! Segundo: não sou a ingénua que estás a insinuar que sou! Terceiro: Quantas vezes já te dei motivos para não confiares em mim?

 

Afonso faz uma pausa.

 

Lu – Pois! Bem me parecia! Zero motivos!

 

Nesse instante, chega Isabel, preocupada com as vozes alteradas que ouvia na sala.

 

Isa – O quê que se passa aqui?

 

Rapidamente, Isabel fica a saber do que está ali a acontecer e a discussão evolui. Afonso continua a apoiar a sua mesma ideia, enquanto Luna se defende. Isabel tenta acalmá-los e chamá-los à razão, acabando por partilhar a mesma opinião que a filha.

 

A discussão é cada vez mais óbvia e Graça, que estava junto de Isabel, intervém preocupada e incrédula por ter de se meter no assunto.

 

Gra – Tenham calma! Controlem-se! Vocês são uma família e esta discussão não está a ter sentido nenhum!

Pensando em resolver aquele assunto o mais rápido possível, Luna não dá mais nenhuma palavra a ninguém e sai porta fora, indignada e decidida.

 

Afonso ainda pensa em ir atrás da filha, mas Isabel impede-o e convence-o a ter uma conversa consigo a sós. Sozinhos, acabam por se entender e Afonso, ainda que continue determinado em proteger Luna, já percebeu que não deve exagerar, até porque, na verdade, Luna nunca lhe deu motivos de desconfiança.

 

Entretanto, Luna reencontrou David na sala do “Rouge Hotel”. Decidida a ser mais sincera possível, a rapariga dirige-se para junto dele com confiança.

 

Lu – Tu tens toda a razão e eu não deveria ter deixado que as coisas chegassem a este ponto!

 

Dav – Tu não tens culpa…

 

Lu – Tenho sim! Eu só quero a tua amizade e, no entanto, ainda não tinha percebido que, ao ser tua amiga, estaria a dar-te esperança para algo mais! Por isso, estou aqui para esclarecer tudo contigo e ser sincera e…

 

Dav – (nervoso) O quê que estás a tentar dizer-me?

 

Lu – Eu não quero e nem estou preparada para a relação que pretendes! Acho que não sinto o mesmo… O melhor é tentares esquecer-me. Segue a tua vida, sem mim.

 

Apesar de conhecer bem as probabilidades que aquela conversa teria para acontecer, o jovem rapaz não deixa de se sentir triste, não escondendo o desgosto.

 

Lu – (preocupada) Desculpa!

 

David sai da sua frente, esforçando-se para permanecer calmo, e murmurando algo com uma voz trémula.

 

Dav – Talvez eu volte para Nova Iorque…

 

Luna, apesar de saber que fez a escolha certa ao ser sincera, é sensível o suficiente para sentir o sofrimento de David, ficando preocupada e desejando que houvesse uma boa maneira de lhe dizer aquilo.

 

No dia seguinte…

 

A notícia espalha-se rapidamente e a comunidade fica animada e ansiosa para estar na festa temática de despedida ao Mais Antigo.

 

Depois de muito a provocar e irritar enquanto a seduz, Alejandro usa o seu lado mais delicado para convidar Verónica a ser o seu par na noite dos anos 20. Sem conseguir ser indiferente, a recém-vampira aceita.

 

A ideia foi sua, por isso, Vasco sente-se livre o suficiente para convidar Francisca a ser sua acompanhante, sendo também ela uma das anfitriãs do evento. A vampira aceita.

 

Apesar de tudo, Joel atreve-se a pedir a companhia de Daniela e, por sorte, não recebe o temível “não”.

 

Rebelde e atrevido, Hélio propõe a Lianor a sua companhia. Séria, a vampira aceita mas deixa bem claro que apenas terá a sua companhia.

 

Entre tantos gestos assim, Vânia sente-se sozinha por ser a única sem uma possível companhia garantida na noite. Curioso e intrigado pela sua expressão, o Mais Antigo questiona-a sobre o assunto. Ao saber da resposta, até lhe sugere alguém, o próprio criador.

 

Vân – Não! O Henrique vai com a Beatriz de certeza! (garante) E acho muito bem que vá, afinal é a namorada!

 

Apercebendo-se de que também não tem par…

 

MA – Então vem comigo!

 

Vân – (surpreendida) Consigo?! Mas… Não! Não é preciso! Quero dizer: qual é o problema de ir sozinha?

 

MA – Não há problema nenhum! (reforça) Mas seria uma honra para mim!

 

Vânia fica nervosa, sem saber como reagir.

 

MA – (completa) Não aceito ouvir um “não”!

 

Continua…

 

[Boa Tarde! Tenham uma boa leitura e fiquem para ler o episódio 198 que chega mais logo :) Este episódio foi o mais dificil para mim em termos de titulo... como vêm! até tem titulo duplo hahah ATÉ LOGO

 

PS: deliciem-se com esta foto! reconhecem? que acham?

 

 

Bjs <3 a autora]

4 comentários

Comentar Post

Sobre mim

foto do autor

Pesquisa Aqui

 

Sinopse

Era uma vez um colégio cravado no coração da serra de Sintra. Entre mistérios e perigos, o regresso de uma antiga guerra e uma vida aparentemente normal de adolescentes, um vampiro com 186 anos apaixonou-se por uma humana de 17 que, apenas (e só por acaso!) é filha do mais temido caçador de vampiros de sempre, "Jaguar". Ora! Este é só o excêntrico início de todos os problemas que farão a vida valer a pena...! Deixas-te morder?!

Aviso

Todos os textos publicados neste blog são apenas uma sugestão de continuação da série de vampiros da SIC, "Lua Vermelha", ou forma de a recordar. No fundo, pretendo simplesmente homenagear a história, dando-lhe o seguimento que imagino/desejo que tivesse. Não tenho qualquer intenção de plágio, não o considero como tal, e por isso agradeço o respeito e a preservação dos direitos de autor. Afinal, isto é paixão, mas dá trabalho :D

O Blog

Nasceu em 2012, com uma sugestão (pouco profissional...:D) de 2ªtemporada para "Lua Vermelha", que teve o seu fim oficial no mesmo ano. Entretanto, por gosto da autora (Cláudia Silva) e apoio dos leitores, o Blog chegou à 3ªtemporada (melhor preparada do que a primeira...:D), havendo ainda espaço para posts de homenagem à obra de ficção e aos atores, intitulados "VIDA DE VAMP", "VampAtual" e, mais recentemente, "MEMÓRIASdeVAMPIRO". Tudo o que foi publicado anteriormente, continua online.

Respeito

Gostaria de alertar todos os leitores/seguidores do blog para a prática do respeito entre todos, para comigo (autora) e para com os criadores/produtores e atores de "Lua Vermelha". Infelizmente, comentários desagradáveis e ofensivos já foram deixados por alguns "anónimos", o que me levou à decisão de moderar a liberdade para comentar, sendo que as vossas opiniões precisam da minha permissão para serem publicadas no blog. Apenas exijo respeito! Se forem respeitáveis com as palavras, o vosso comentário aparecerá na página, garanto! Obrigado!

As Imagens

Afim de evitar algum tipo de constrangimento, creio ser importante referir que, originalmente, as imagens que utilizo no blog, referentes a "Lua Vermelha", não são de minha autoria. Os direitos pertencem à SIC, à SP Televisão, ao fotógrafo José Pinto Ribeiro... e avisem-me caso falte alguém! :D Contudo, saibam que não publico qualquer imagem sem a editar/modificar primeiro, tornando-os algo minhas e do blog. Espero que respeitem e, claro!, apreciem!

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D